Sua Página
24/01/2024 às 09h20min - Atualizada em 24/01/2024 às 09h20min

47% das empresas líderes em serviços de TI são de origem brasileira, diz TGT ISG

Número demonstra que mercado nacional de fornecedores segue se destacando globalmente; o ano de 2024 trará análises para os setores de Healthcare e Generative AI Services

Natália Rossi - Mondoni Press
Omar Tabach Divulgação/Fernando Mucci

Os relatórios ISG Provider Lens™ de 2023 avaliaram 409 empresas, sendo que, dessas, 266 são nacionais. Entre as líderes, 47% são empresas nacionais, o que reforça que o mercado nacional de fornecedores de tecnologia segue se destacando globalmente. Com o crescente interesse global no mercado brasileiro de tecnologia, a parceria TGT ISG vai expandir as pesquisas ISG Provider Lens™ com dois novos estudos, abrangendo os serviços para a área de saúde e inteligência artificial generativa.  Além disso, serão realizadas pesquisas focadas no mercado do México em 2024, iniciando pelos relatórios sobre os ecossistemas Microsoft e AWS.

O novo estudo sobre Healthcare Solutions & Services tem previsão de lançamento para o último bimestre de 2024. “O tema de healthcare tem gerado uma demanda crescente, principalmente com a introdução da tecnologia nos serviços de saúde, abordando tópicos como prontuário digital e serviços digitais associados aos cuidados médicos e hospitalares. Portanto, é um assunto de grande importância no Brasil, despertando considerável interesse”, explica Omar Tabach, sócio-diretor da TGT ISG.

Já sobre o mercado de IA generativa, Tabach explica que o tema está em alta e a empresa pretende entender como começar, quais são as soluções e quais casos reais existem. “Em 2023, observamos projetos pilotos e pequenas iniciativas, e percebemos uma preocupação significativa dos CIOs em compreender o impacto disso nas empresas. Agora, com soluções mais maduras disponíveis, vamos aprofundar nosso estudo para o relatório de 2023”.

O ano de 2023 foi o primeiro a trazer os estudos sobre os mercados de supply chain, digital banking e ESG. "Com a inclusão desses estudos no último ano, avaliamos mais empresas globais de serviços atuando no mercado brasileiro, mostrando sua força e interesse à medida que expandimos os temas em tecnologia”, explica Mauricio Ohtani, distinguished analyst da TGT ISG.

No âmbito das pesquisas, a empresa ampliou o número de relatórios para 22 por ano, em comparação com os 20 realizados em 2023. Para o calendário de pesquisas de 2024, os temas previstos são: Salesforce Ecosystem; Microsoft Ecosystem (Brasil e México); ServiceNow Ecosystem; SAP Ecosystem; Google Ecosystem; Customer Experience; Private Hybrid Cloud; Cyber Security; Martech; Future of Work; Banking Industry Services; Next-gen ADM Services; Supply Chain; AWS Ecosystem (Brasil e México); Generative IA; Oracle Ecosystem; ESG; Digitial Business Innovation, Multi Public Cloud Solutions & Services; Analytics Solutions & Services e Healthcare Solutions & Services.

Além disso, a empresa encerrou o ano com o Sourcing Industry Awards. Com aproximadamente 300 participantes, incluindo CIOs e principais executivos de empresas fornecedoras de serviços de tecnologia, o evento foi palco da primeira edição latino-americana do Paragon Awards. O prêmio, realizado anualmente na América do Norte, Europa, Oriente Médio, África, teve o Brasil como destaque na inovação, excelência, transformação e sustentabilidade ambiental.

Para 2024, previsão é aumentar o faturamento com pesquisas em 22%. Para isso, o número de analistas líderes aumentou em 33% e o de research analysts em 30%. Além disso, novos sistemas foram adquiridos para apoiar o ciclo de pesquisa, e um novo escritório foi inaugurado, dobrando o espaço disponível. “Com as duas unidades de negócio (consultoria e pesquisa) mais robustas, a TGT é, atualmente, a empresa que possui o maior conhecimento sobre o mercado brasileiro de tecnologia. Essa expertise, aliada à nossa imparcialidade, impulsiona nossa estratégia de ser a principal opção de consultoria para empresas na escolha de soluções tecnológicas e parceiros de serviços”, finaliza Tabach.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://thesouth.com.br/.