Sua Página
21/03/2024 às 12h56min - Atualizada em 21/03/2024 às 12h56min

N5X inicia cadastro de empresas em plataforma de trading de energia no mercado livre

Entre os principais diferenciais da plataforma da nova bolsa de energia brasileira estão transparência de preço, agilidade, alto nível de personalização e segurança, associados à expertise do Grupo EEX, a maior bolsa de energia do mundo, e a L4, fundo da B3

Giovanna Consentini - OVO Com
Imagem: N5X

São Paulo, 21 de março de 2024 - Empresas participantes do mercado livre de energia – geradoras, distribuidoras, instituições financeiras, comercializadoras de energia e brokers elegíveis – já podem se cadastrar na plataforma de trading da N5X, a nova bolsa de energia brasileira, que chega para trazer maior agilidade, segurança e transparência às negociações bilaterais com entrega física. O início da formalização de negócios de compra e venda, por meio da Boleta N5X, está previsto para o segundo trimestre.

Segundo a CEO da N5X, Dri Barbosa, dentro do propósito da N5X de transformar e impulsionar o mercado de energia, a plataforma foi desenhada para incorporar as melhores práticas em formalizações bilaterais, repensando as etapas a partir da experiência dos acionistas e as demandas do próprio setor no país. Entre os principais atributos da nova plataforma, ela destaca o cadastro ilimitado de usuários, a transparência de preços para todo o mercado e a não cobrança de acesso à API post-trading com plataformas de ETRMs e proprietárias.

“Queremos aumentar a liquidez no mercado de energia do Brasil, seguindo a evolução pela qual passaram países já liberalizados. Ouvimos o mercado, buscamos a melhor experiência do trader e desenvolvemos a nova plataforma N5X, que vem facilitar e dar mais segurança e transparência às negociações”, diz a executiva à frente da N5X, que tem o L4 Venture Builder, fundo de investimento independente da B3, e a Nodal (subsidiária americana do Grupo EEX, maior bolsa de energia do mundo) como acionistas.

A plataforma da N5X permite que os participantes do mercado de energia do ACL (Ambiente de Contratação Livre) façam a originação de contratos padrão, de acordo com as leis e regulação do setor – entre elas, as regras da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

Primeiro produto a compor a prateleira, a Boleta Eletrônica N5X foi desenhada para simplificar e agilizar os processos de negociação bilateral de energia, em um ambiente seguro, com um contrato padrão preciso e que atenda às melhores práticas de mercado.

“A Boleta N5X permite que os usuários façam a formalização rápida e segura de operações de compra e venda de energia, com alto nível de personalização das condições do negócio”, destaca Dri Barbosa. “Nossos processos estão alinhados com os atuais valores da sociedade e regidos por uma governança clara e eficaz”, acrescenta.

Como usar a plataforma da N5X

Para fazer parte da N5X, as empresas participantes do mercado livre de energia devem efetuar o cadastro na plataforma, aceitar os termos de uso e a política de privacidade e terem o registro aprovado pela N5X, com base nos dados fornecidos e nas documentações exigidas. São elegíveis as empresas habilitadas na CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica).

Após preenchimento do cadastro, a equipe da N5X analisará as informações e em até 24 horas úteis fará a aprovação da empresa ou retornará com a sinalização de pendências. A campanha de lançamento da plataforma de trading de energia da N5X prevê condições especiais de adesão. Empresas que se cadastrem até o mês de julho deste ano têm direito a descontos regressivos de 100% a 25% na mensalidade de acesso e na taxa da Boleta até março de 2025. Para ter direito aos descontos, é necessário ter o cadastro aprovado pela N5X até as datas da campanha.

Mercado financeiro no setor de energia

A N5X chega em um contexto de expansão do mercado livre de energia no país, com empresas em busca de plataformas estáveis e seguras, além de novas oportunidades de trading de energia. Desde 1o de janeiro de 2024, empresas conectadas a alta e média tensão também passaram a negociar diretamente com fornecedores, levando a uma maior competição e acesso a preços mais baixos. Até então, esse mercado era restrito a grandes consumidores, com demanda acima de 500 quilowatts (kW).

Nesta etapa, segundo a Abraceel (Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia), aproximadamente 165 mil unidades consumidoras têm potencial para migrar para o mercado livre, que movimenta um volume da ordem de R$ 150 bilhões. Hoje, 71% das negociações e formalizações de energia com entrega física acontecem bilateralmente. Em 27,55% dos casos, a negociação acontece bilateralmente e a formalização é feita via plataforma, em um contrato padrão.

Atualmente, o mercado de trading de energia é físico. No longo prazo, contudo, o objetivo da N5X é trazer o mercado financeiro para o setor, com a criação de uma clearing, para atuar como contraparte central em transações de energia. No entanto, ela diz se tratar de uma jornada regulatória longa junto a entidades como CVM (Comissão de Valores Mobiliários) e Banco Central, que pode levar até dois anos.

“Nas conversas com o mercado, percebemos o quanto players globais estão interessados em ter novas classes de ativo. Para isso, é preciso ter um mercado com negociação em tela, contratos padronizados, instrumentos financeiros e contraparte central”, diz Dri Barbosa.

Sobre a N5X

A N5X é a nova bolsa de energia brasileira, que combina a expertise local em infraestrutura do mercado financeiro com a experiência do Grupo EEX no desenvolvimento bem-sucedido de mercados internacionais de energia. Ela opera em uma joint venture entre a brasileira L4 Venture Builder e a Nodal Brazil sediada nos EUA.

Para mais informações, visite: https://n5x.com.br

Sobre a L4 Venture Builder

L4 Venture Builder é um fundo de investimento independente que conta com investimento da B3 e opera com um formato flexível para desenvolver seus negócios. Ele seleciona projetos nos quais terá participação acionária em setores com alto potencial de crescimento.
Para mais informações, visite: https://en.l4vb.com/

Sobre a EEX

A European Energy Exchange (EEX) é uma bolsa de energia líder que constrói, junto a seus clientes, mercados de commodities seguros, bem-sucedidos e sustentáveis em todo o mundo. Como parte do Grupo EEX, um grupo de empresas que atende mercados internacionais de commodities, ela oferece contratos de eletricidade, gás natural e certificados de energia renovável, bem como produtos agrícolas e de frete. A EEX também fornece serviços de registro e realiza leilões de garantias de origem em nome do Estado francês.

Para mais informações, visite: https://www.eex.com/en/

Sobre a Nodal Brazil LLC

Nodal Brazil é uma entidade independente que busca oportunidades de investimento em projetos selecionados no Brasil, seguindo a missão do Grupo EEX de construir mercados de commodities seguros, bem-sucedidos e sustentáveis ao redor do mundo. Ela faz parte do Grupo EEX, que pertence ao Grupo Deutsche Börse.

Para mais informações, visite: https://www.nodalexchange.com/


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://thesouth.com.br/.